A TRANSIÇÃO DA IGREJA PARA VISÃO CELULAR E O EVANGELHO DE MARCOS

A TRANSIÇÃO DA IGREJA PARA VISÃO CELULAR E O EVANGELHO DE MARCOS

Tenho buscado em Deus através da Sua Palavra fundamentos para a transição, para que não seja mais essa uma ação baseada em empolgação, fórmulas e métodos meramente. Tudo relacionado à igreja e ao Reino de Deus deve estar embasado nas Sagradas Escrituras e encontrei especialmente no Evangelho de Marcos a visão, ou o propósito maior que a igreja em células deseja produzir.

1.Células - O poder, a presença e o propósito de Cristo
“Este Evangelho nos oferece uma excelente oportunidade de contemplar a pessoa de Jesus Cristo. Por meio Dele sabemos como Deus é, e o que ele espera dos homens e mulheres e o que ele tem feito para tornar realidade essa expectativa. Além disso, Jesus nos convida a segui-lo e a experimentar aqui e agora os privilégios e responsabilidades do Reino de Deus.” (p. 15) As células têm como propósito que seus participantes tanto o não cristão, o novo na fé quanto os mais experientes conheçam a Cristo e cresçam em viver para as expectativas de Jesus Cristo numa realidade constante da sua Presença.

2.Células - Teologia da igreja em células
A teologia do evangelho de Marcos enfatiza a cruz de Cristo, e sua humilhação, bem como o caminho da glorificação. No caminho do discipulado cristão um a um e no compartilhar das células, a teologia da igreja em células é esta. A mensagem da cruz fala de serviço e viver em células é viver para servir tanto ao não crente como aos irmãos. Viver uma vida de fé e serviço só é possível através da cruz, do negar-se a si mesmo por amor a Deus e ao próximo. As células são ambientes propícios para crescermos na vida espiritual poderosa e vibrante em serviço.

3.Células – Cuidado pastoral, discipulado e saúde espiritual
“O texto de Marcos flui de sua preocupação pastoral com seus leitores. Ele os encoraja a se tornarem discípulos, aplicando a si mesmos todo o ensinamento que Jesus dera aos doze. Marcos está convencido de que o verdadeiro conhecimento da natureza, caráter e ministério de Jesus, é necessário para uma vida individual e comunitária saudável.” (p. 18) É indiscutível que vemos os grupos pequenos e células, dentro do Corpo maior de Cristo, como o melhor ambiente para o nascimento, discipulado, encorajamento e cuidado dos crentes. (§ 6060 item 6 do Manual da Igreja Metodista Livre)

4.Células – Treinar para evangelizar, liderar e Multiplicar
“Marcos está profundamente interessado em espalhar o evangelho a todas as nações. Mesmo assim, não o vemos com uma mensagem evangelística dirigida aos incrédulos em particular. Ao apresentar a mensagem de Jesus Cristo em profundidade, ele o faz a fim de preparar os crentes para viverem e proclamarem as Boas Novas. Isso condiz com sua ênfase no discipulado”.(p. 19) A igreja em células vive na prática essa capacitação através das células, ganhando pessoas para Cristo, edificando-as, consolidando-as e enviando-as para fazer novos discípulos.



A evangelização, a formação e lideres e a multiplicação é algo natural de uma igreja saudável.
Nossas próximas mensagens serão baseadas nesse evangelho onde aprenderemos com Jesus através de suas ações e ensinamentos o intenso e maravilhoso caminho do discipulado radical, de uma vida frutífera e abundante que Jesus propõe aos seus discípulos.

Rodrigo Rodrigues Lima
Pastor

Referências:

  • MULHOLLAND, Dewey M. Marcos, Introdução e comentário -  SÉRIE CULTURA CRISTÃ, VIDA NOVA – São Paulo – 2008
  • Manual da Igreja Metodista Livre  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Os Dois Fundamentos - Mateus 7:24-27

Sermão 08/03/2015 - TEMA: A Vitória da Cruz!

Mensagem da Semana - Moisés, Arão, Hur e Josué