Sermão 01/03/2015 - TEMA: A Mensagem da Cruz

Tema: A Mensagem da Cruz
I Coríntios 1:18-25

Amados irmãos e irmãs, estamos em um processo de transição para uma igreja saudável cujos membros gerem discípulos de Cristo. Por isso, aqueles que desejam realmente serem discípulos de Cristo não podem ignorar a mensagem da cruz. Jesus disse aos seus discípulos: “E qualquer que não levar a sua cruz e não vier a após mim não pode ser meu discípulo.” Lucas 14:27
Focado nesse propósito de sermos uma igreja em células saudáveis e buscando direção de Deus para as mensagens de março faremos uma série de quatro mensagens sobre “O Discípulo e a Cruz” se iniciando hoje com o tema: “A Mensagem da Cruz”. Por que há tantos cristãos decepcionados com igrejas, pastores e líderes? Qual é o real propósito do Evangelho? Essas respostas têm muito a ver com a maneira com que as pessoas vêm encarando o Evangelho, a Mensagem da Cruz.
Por isso irmãos, temos como objetivo ao término dessa série despertar em nós o mesmo sentimento que houve em Paulo quando escreveu: “Mas longe esteja de mim, eu gloriar-me, senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim, e eu para o mundo.” Gálatas 6:14

Paulo quando escreve essa carta aos coríntios está lidando com uma divisão terrível. Alguns eram partidários de Paulo, outros de Apolo, outros de Pedro e outros de Cristo. Há uma verdadeira carnalidade e muita gente decepcionada. Para corrigir esse problema, Paulo os traz à centralidade da cruz. Ele quer ensiná-los a viver em unidade e na vida comum focados em Cristo, uma vez que já havia uma divisão pior em torno da mensagem da cruz. Você quer uma vida de poder e vitoriosa em Deus? Aqui está o princípio. Vamos nos focar na cruz de Cristo. Não olhemos para homens, mas para a cruz!
Mas, como a cruz de Cristo vem sendo encarada?

1.A mensagem da cruz é escândalo para os judeus (v. 23)
Para entendermos porque os judeus consideram a cruz escândalo, é importante fazer um breve pano de fundo. Para os judeus, o Messias viria como uma grande força política. Vez por outra aparecia uma pessoa reivindicando a autoridade messiânica, por isso, os judeus lhes pediam um sinal. Eles realmente esperavam um messias político que derrotasse os romanos, uma vez que eles foram feitos província romana e pagavam impostos a César. Eles esperavam que o Messias estabelecesse o governo político. Também não era para menos. Há cinco capítulos nos Salmos (2; 22; 69; 72; 110) e três capítulos em Isaías (9; 11; 35) que são atribuídas ao Messias. Por isso eles tinham e tem ainda hoje tanta expectativa. Na perspectiva judaica o Messias governará nessa terra sempre vitoriosa, com excelência, justiça e glória. Seu reinado será pacífico, próspero, grandioso e glorioso.
Entretanto, Jesus é visto como o Messias esperado por muitos, mas no final ele foi pendurado no madeiro. O que significa o madeiro para o judeu? Leia Deuteronômio 21:22-23. Diante desse texto vem o escândalo. Como podia o Messias de Deus terminar sua vida crucificado, condenado pelos seus e sob a maldição do próprio Deus? Escândalo! Veja que a questão central aqui é PODER! PODER POLÍTICO. O poder político do Messias venceria o poder político dos romanos e estabeleceria a soberania do estado de Israel, mas o Messias foi para a cruz. Escândalo! Como isso se aplica nós hoje? Assim como aqueles tentaram salvação usando o poder do Messias segundo o seu conceito de poder, muitos hoje tentam se salvar e se relacionar com Deus sem cruz.
Irmãos, a cruz continua sendo escândalo para aqueles que confiam no poder humano e em sua própria capacidade de se salvar. Todo aquele que confia na sua própria força se escandaliza com a cruz. A cruz foi escândalo para Pedro. Ele disse a Jesus: “por ti darei a própria vida.” João 14:37. Mas Jesus disse: “Antes que o galo cante você me negará três vezes”. João 14:38. Na auto-suficiencia de Pedro, suas máscaras caíram. Pedro se esforça por Jesus (João 18:26), Pedro se parece com Jesus (Mateus 26:73), Pedro foi visto com Jesus (Mateus 26:69), mas nada disso foi suficiente. Ele queria servir a Jesus do seu jeito e por isso a cruz se tornou escândalo. Quando Pedro fracassa, Jesus ressurreto vai restaurá-lo e dirá mais ou menos assim: “Pedro, você não morreria por mim? Apascenta as minhas ovelhas.” A esse Pedro ressurreto Jesus vai ensiná-lo que cruz não é auto-suficiência. Veja João 21:18-20. Perceba que só podemos ser discípulos quando não fazemos a nossa vontade e vivemos para a glória de Deus. É escândalo! A cruz é escândalo para todos que colocam máscaras e querem servir a Deus do seu jeito. Para viver a cruz precisamos negar nosso poder, e viver o poder de Cristo.
Pergunta 1: Você já tentou fazer a coisa certa e errou? Já fez promessas e não cumpriu? Como a loucura da cruz pode ser libertador para a sua vida? Você deseja ser um discípulo de Cristo que carrega a cruz? Lembre-se: o fardo é leve e o jugo é suave

2.A mensagem da cruz é loucura para os gregos (v. 23)
Na cultura grega a crucificação era um método de execução pública que combinava humilhação e tortura e para eles os deuses eram muito poderosos e a fonte de sabedoria. Como poderia Deus ser crucificado? Irmãos, a cruz continua sendo loucura para aqueles que confiam no poder intelectual. Deus não é contra o intelecto, mas toda sabedoria que despreza Deus é burra. Jeremias 9:23-24 dirá: “Assim diz o Senhor: Não glorie o sábio na sua sabedoria, nem o forte na sua força, nem o rico nas suas riquezas; mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me conhecer e saber que eu sou o Senhor e faço misericórdia, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o Senhor.” Ainda hoje o homem confia no seu intelecto sem considerar Deus. Todas as vezes que não consideramos Deus como parceiro nas nossas decisões, todas as vezes que fazemos escolhas pela nossa carne considerando racionalmente sem nos submetermos a sabedoria de Deus, sem considerarmos a cruz, para nós a cruz será loucura.
Pergunta 2: Você tem dificuldade de depender de Deus? O que é mais difícil para você? Crer em Deus ou confiar em Deus? Como a loucura da cruz pode ser libertador para a sua vida? Você deseja ser um discípulo de Cristo que carrega a cruz? Lembre-se: O fardo é leve e o jugo é suave

3.A mensagem da cruz é poder de Deus e sabedoria de Deus para os que crêem (v. 24)
I.Poder (Veja Isaías 53)
a.Na fraqueza Dele na cruz, daquele Messias que aos olhos dos judeus é fraco e sem poder, que nos olhos dos gregos ele é loucura, nós experimentamos poder. Ele foi erguido, subindo como escândalo e loucura na cruz, mas para nós é poder de Deus (v.2-3)
b.Ele nos libertou do poder da escravidão do pecado. Suas feridas nos curaram. (v.4-5;10;12b) Traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades nos libertou do poder do pecado. “Àquele que não conheceu pecado, se fez pecado por nós; para que, Nele, fôssemos feitos justiça de Deus.” II Coríntios 5:21
c.Fomos reconciliados com Ele (v.11) Fomos feitos justos. Somos contados na família de Deus. Justos e justificados. Ele nos livrou do nosso EGO. Tomar a cruz, portanto, é LIBERDADE! Que maravilhoso poder! É o poder de Deus para transformação de todo o que crê.
II.Sabedoria de Deus (Veja Romanos 3:21-26)
Como pode Deus ser justo contra o pecado e salvador dos pecadores ao mesmo tempo? Deus se torna homem sem pecado, para que por meio do sacrifício de um homem sem pecado Ele satisfaça a sua própria justiça. Essa é a loucura! A loucura de Deus é mais sábia do que a sabedora dos homens.
Pergunta 3: Veja todos os benefícios que a cruz lhe proporcionou. Você tem desfrutado realmente desses benefícios em sua vida? Você deseja ser um discípulo de Cristo que carrega a cruz? Lembre-se: O fardo é leve e o jugo é suave!

Rodrigo Rodrigues Lima
Pastor

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sermão 08/03/2015 - TEMA: A Vitória da Cruz!

Os Dois Fundamentos - Mateus 7:24-27

Mensagem da Semana - Moisés, Arão, Hur e Josué